[Infográfico] Tudo o que você precisa saber sobre Mangá de forma rápida e fácil!

    A cada dia que passa, o mangá ganha mais e mais fãs, seja pelos personagens tão expressivos quanto pela forma que a história é contada. Foi por esses e por outros motivos que decidimos pontuar estas características que fazem tanto sucesso, num formato fácil e divertido: um infográfico!

*Todas as informações contidas neste infográfico foram resumidas e inseridas numa linguagem informal.


Música, Artes Visuais e comidinhas em Curitiba! 

     Curitiba fomenta cada vez mais a arte e cultura através de mecanismos independentes, artistas e apreciadores se reúnem para trocarem contatos entre suas produções.

      O festival contará com 9 projetos musicais, entre artistas do Paraná e Santa Catarina, palco aberto para expressões individuais e espontâneas e exposição de artistas da Casa Artes Visuais. O evento preza pela produção de arte autoral em seus diversos campos, sem dúvida, um momento de degustação e enriquecimento cultural. 

14469664_1603403089685302_7397269658656470746_n

PROJETOS MUSICAIS DESTA EDIÇÃO:

Alexandre, O Grande
Asaph Eleuterio
Bruno Teixeira
Eugênia
Hyago Chahér + convidados
Mike Khan
Poesia Embriagada
Ricardo Ravel
Wolken

Link do evento no Facebook

Então já sabem, é neste sábado! Por mais que tenha algo bem importante, desmarque! Pois esse programa será bem melhor!

Curitiba reúne grupo para desenhar dentro do cemitério

1ºlink imagem blog

1º NecropoliSketch Curitiba – Cemitério Municipal 

No dia 31 de agosto, um pequeno grupo, ainda, dá início as atividades de registro e estudo dos cemitérios, utilizando diversos materiais, lápis, canetas e tintas para capturar os detalhes deste grande complexo de informações artísticas. 

Destinado ao desenho in loco de cemitérios, o grupo quer reunir trabalhos e estudos de diversos artistas visuais e estudantes.
Pensando na convergência de características artísticas aplicadas à arquitetura e escultura, os cemitérios contribuem muito em um pequeno espaço territorial.

Oficina A Arte e o Decalque traz a combinação entre a serigrafia e a cerâmica no cenário das artes em Curitiba

    Com início em meados de agosto, a oficina A Arte e o Decalque com o artista Sérgio Moura busca introduzir a vivência criativa entre a serigrafia e a cerâmica, abrindo novas possibilidades dentro do atual cenário das artes visuais.

“Quem brincou com películas que deslizavam na água, nunca esqueceu. Riscando, puxando tinta, promovendo texturas e, sobretudo, gerando formas e imagens, essa vivência tem duração de seis dias e o desafio criativo envolve a serigrafia e abrange a cerâmica.” (Sérgio Moura)

oficina_decalque

   A oficina tem como objetivos o processo criativo, o conhecimento técnico da serigrafia e o decalque na cerâmica, em peças como canecas, pratos, vasos, xícaras, azulejos, etc.

   As inscrições para a oficina vão até o dia 18 de agosto, sendo todos os materiais necessários fornecidos pela oficineira. No final da oficina, os alunos que tiverem, no mínimo, 75% de frequência, receberão seus certificados. Para maiores informações sobre o processo de inscrição, clique aqui.

   Que tal aprender a fazer decalque em cerâmica através da serigrafia? Inscreva-se aqui!

Nas imagens abaixo, outros trabalhos envolvendo serigrafia e cerâmica da produção artística do artista Sérgio Moura, ministrante da oficina.

Casa Artes Visuais
Rua Albino Silva, 30 – São Francisco
Próximo a Praça do Redentor (praça do gaúcho) e em frente a lateral da Capela Vaticano.
Contatos: (41) 3527 6158 . contato@casaartesvisuais.art.br


 

Em Curitiba, intervenção urbana da artista Caroline Lemes clama por respeito e direitos iguais

   Ao andarmos pelas ruas do Centro Histórico de Curitiba, nos muros e postes encontramos a arte engajada da artista visual curitibana Caroline Lemes, que chama a atenção principalmente pela leveza e poesia do seu desenho, acompanhado de frases que representam a luta das mulheres por respeito e direitos iguais, bem como a irmandade entre elas.

13423838_1056387891122666_3197418386475398529_n

“Eu, como artista visual ultimamente tenho explorado o feminino através da ilustração. O feminino presente em todos os seres, a mãe terra que tem a potência de dar flores e frutos, e a mulher com o poder de gerar a vida. Acredito que há um desequilíbrio no qual a sociedade predominantemente machista e patriarcal desrespeita as mulheres, as crianças, e consequentemente a natureza. Eu ressalto o feminino como a força da natureza, a beleza, o amor e a origem da vida. O feminino presente nas mulheres e nos homens. O feminino como o amor de mãe. Para que o homem possa aflorar o seu lado feminino também, sem tabus e preconceitos. Os seres em equilíbrio. A partir deste empoderamento do sagrado feminino, surge o feminismo para lutar pela igualdade de respeito e de direitos. A rua é o reflexo da sociedade, a sua voz. Eu utilizo a bicicleta como meio de transporte e estou sempre cara a cara com as ruas. Já realizei outras intervenções urbanas, mas esta ideia surgiu a partir de alguns retrocessos políticos que estão acontecendo atualmente no Brasil com esse governo ilegítimo, que envolvem os direitos das mulheres em muitas questões, assim como, o caso hediondo de estupro da garota menor de idade por 30 homens. Está na hora de um basta, o tempo de agora grita por mudança. A cada 11 minutos uma mulher é violentada no Brasil. A ilustração representa a mulher guerreira, a mãe natureza com seus cabelos floridos. O sangue no qual ela se pinta para ir à luta diária é o seu sangue menstrual. Essa mulher não tem cara nem cor, é uma representação de todas nós.”
(Caroline Lemes)

   Confira outros belíssimos trabalhos da incrível artista Caroline Lemes disponíveis em sua página no Facebook.

Nas imagens abaixo, mais trabalhos da arte engajada de Caroline Lemes espalhados pelo Centro Histórico da cidade.


Asaph Eleutério ~NINGUÉM~ fará apresentação em Encontro de Desenho em Curitiba

   NINGUÉM ~Asaph Eleutério~ vem desenvolvendo desde 2008, em CWB, vulgo Curitiba, uma estética que visa a releitura da música regional paranaense integrada à Subtropicália.

cartaz_encontro2

   Sua apresentação se dará em um formato completamente autoral, som que desperta o apetite em suas diversas áreas intelectuais.

   Para os que desejarem, o CD “Ano do cavalo magro” estará disponível para compra no dia do evento, no valor de R$ 20. E para aqueles que preferirem apenas contribuir com qualquer valor por sua expressão, o chapéu estará no chão!

   Com algumas vagas ainda disponíveis, as inscrições para o encontro vão até o dia 16 de junho (esta quinta-feira). Venha desenhar e apreciar Ninguém com a gente! Faça sua inscrição aqui.


Oficina O Bordado na Arte Contemporânea abre inscrições para alunos em Curitiba

   No resgate da arte milenar de decorar com figuras utilizando fio e agulha, a oficina O bordado na Arte Contemporânea pretende aplicar esta antiga técnica no atual cenário de produção das Artes Visuais.

oficina_bordado

   Dentro das diversas possibilidades da nossa contemporaneidade, a arte permite os mais diversos campos de experimentação para suprir suas pesquisas e produções. A artista Tita Pereira explora elementos presentes desde sua infância, dentro da sua casa, os fios da tradição passada entre gerações, cria uma apresentação delicada no universo artístico atual.

   As inscrições para a oficina vão até o dia 6 de julho, sendo todos os materiais necessários fornecidos pela oficineira. No final da oficina, os alunos que tiverem, no mínimo, 75% de frequência, receberão seus certificados. Para maiores informações sobre o processo de inscrição, clique aqui.

   Quer aprender uma nova possibilidade para trabalhar em sua produção artística? Inscreva-se aqui!

Nas imagens abaixo, uma pequena mostra dos trabalhos de bordado na produção artística da artista Tita Pereira, ministrante da oficina.

Espaço Casa
Rua Albino Silva, 30 – São Francisco
Próximo a Praça do Redentor (praça do gaúcho) e bem próximo da Capela Vaticano.


 

Abrem inscrições para a oficina de Serigrafia Artística em Curitiba

   Com início em julho, a oficina de Serigrafia Artística busca introduzir seu público ao conhecimento e prática às técnicas de preparação da matriz e gravação das imagens, processo esse, onde seus primeiros registros são datados do século XVII.

oficina_serigrafia2

    A arte desta impressão tem grande aplicação em estamparias comerciais, popularizando a serigrafia nos mais diversos grupos. A artista visual Karina Melo, utiliza o potencial criativo sobre esta técnica, no qual o processo de produção é de uma complexidade artística notória, valorizando todas as etapas industriais e poéticas.

    As inscrições para a oficina vão até o dia 14 de julho, sendo todos os materiais necessários fornecidos pela oficineira. No final da oficina, os alunos que tiverem, no mínimo, 75% de frequência, receberão seus certificados. Para maiores informações sobre o processo de inscrição, clique aqui.

    Quer aprender serigrafia? Não perca tempo, inscreva-se aqui!

Nas imagens abaixo, uma pequena mostra dos trabalhos de serigrafia artística da artista visual Karina Melo, ministrante da oficina.

Espaço Casa
Rua Albino Silva, 30 – São Francisco
Próximo a Praça do Redentor (praça do gaúcho) e bem próximo da Capela Vaticano.


 

Evento pretende reunir artistas e estudantes para desenho de modelo vivo em Curitiba

    Em junho, acontecerá em Curitiba o encontro de desenho, cuja proposta é de unir o público interessado em praticar e evoluir dentro de uma das práticas mais tradicionais dentro das Artes Visuais: o desenho de observação da figura humana. A dinâmica do evento acontecerá em torno de um modelo nu, centralizado no espaço, onde será observado e desenhado.

cartaz_encontro    Serão 2 horas e 30 minutos de evento, 30 minutos dedicados à organização de materiais individuais e posicionamento do modelo, 2 horas para produção artística, sendo que a cada 25 minutos de prática, haverá 5 minutos de intervalo, podendo este ser destinado à reflexões, acabamentos e/ou detalhes. Será apenas uma posição do modelo durante todo encontro.

    É de responsabilidade de cada artista ou estudante, levar seus materiais para a atividade. O espaço conta com bancos e pranchas de desenho, mas não haverá restrição quanto aos interessados em trazer seus materiais de apoio, como cavaletes, almofadas, pranchetas, etc. 

   Para aqueles que desejarem, os trabalhos produzidos poderão ficar na mostra permanente em nossa sala de exposição on-line.

Maiores informações
casaartesvisuais@hotmail.com
41 3527 6158

Encontro de Desenho da Figura Humana
18 de junho de 2016  .  19h30~22h com início pontual das atividades às 20h (após este horário, o portão será fechado e não será permitida a entrada).
Ingresso: R$ 25  .  Pagamento antecipado até o dia 16 de junho, via depósito bancário ou em dinheiro no local.
Estacionamento aberto para bicicletas.
Endereço: Rua Albino Silva, 30 – São Francisco, próximo a Praça do Redentor (praça do gaúcho) e bem próximo da Capela Vaticano.

Inscrições
– Através de e-mail (casaartesvisuais@hotmail.com), com o título “Inscrição para o Encontro de desenho da figura humana”;
– Selecionar a opção “Encontro de Desenho da Figura Humana” no formulário aqui.
– Através de formulário específico aqui.


 

Curso de Desenho e Pintura em Curitiba

cartazdesenho

Se você já é artista e busca aperfeiçoamento.
Se você é estudante universitário e precisa de auxílio.
Se você busca uma profissão artística.
Se você busca satisfação pessoal em sua produção.
Se você tem inveja por seu amigo desenhar muito melhor que você.
Se você gosta do séc. XV e quer retratar todos seus familiares em pinturas.
Se você precisa fazer um ilustração de livro de receitas caseiras.
Se você tem uma igreja e precisa decorar com pinturas sacras.
Se você usa mais a borracha que o lápis para desenhar.
Se você não sabe pegar no lápis.
Se você nunca fez um desenho bonito.
Se você pinta pano de prato e sempre precisa de moldes.
Se você acha bonito ser desenhista ou pintor.
Se você não sabe desenhar uma estrela ou um coração.
Se você é canhoto.
Se você acorda de noite e não sabe o que desenhar.
Se você tem mais de 12 anos.
Se você já amou.
Se você concorda com a arte conceitual.
Se você tem alguma opinião sobre Romero Brito.
Se você acha que o Banksy é “ O Cara”.

Venha fazer o curso de Desenho e Pintura!

Mas se alguém quer te obrigar a fazer isso… Não faça o curso!